30 de abr de 2010

O DNA de uma Publicação Jornalística (versão 2010)

O vídeo abaixo foi apresentado durante a conferência anual do Grupo de Diarios de las Américas e dá uma visão geral das transformações pelas quais as publicações jornalísticas terão que passar se quiserem sobreviver a partir de agora.



(via Clases de Periodismo)

Será que eles topam?

Brilhante a nova campanha da Agência Click para a AACD, chamada de Unique Types. Eles contrataram estúdios de design para criar tipos diferentes de fontes tipográficas. De preferência, a partir de algum tipo de limitação (um dos estúdios, por exemplo, decidiu não usar as mãos para fazer os desenhos).


A mensagem é bastante simples: não é porque a letra tem algum tipo de imperfeição que você não consegue ler o que está escrito. É um jeito sutil — e elegante — de falar das crianças portadoras de deficiência e do belíssimo trabalho realizado pela AACD.

Mas o mais bacana veio depois. Eles gravaram dez vídeos com essas crianças convidando os publicitários mais importantes — e influentes — do país a fazerem um anúncio utilizando essas fontes.

Nenhum dos vídeos será entregue diretamente aos profissionais. Eles serão postados na rede. Se ajudar uma instituição como a AACD já seria, por si só, um bom motivo para divulgar esse trabalho, ter a chance de ver gente tão reputada concorrendo pelo anúncio mais bacana será melhor ainda. Isso, claro, se eles toparem o desafio.

O primeiro convite foi para o Marcello Serpa, presidente da AlmapBBDO. Assiste aí:



(via 4P)

29 de abr de 2010

Graffomat - A vending machine dos grafiteiros

Realidade vs Imaginação


O artista belga Benjamin Heine criou uma série de imagens que combinam fotografias e desenhos feitos a mão. O projeto chamado 'Pencil vs Camera' cria um interessante contraste entre a realidade e a imaginação.

Para conferir na íntegra o trabalho de Ben Heine, clique aqui e acesse o seu flickr






Ephemicropolis, a cidade metálica


Foram necessárias 40 horas para o artista Peter Root construir uma cidade feita inteiramente com grampos de metal, a qual deu o nome de Ephemicropolis. O artista distribuiu 100 mil grampos em uma área de 3 x 6 metros. Veja o making of abaixo - fiquei sem palavras!

Dá para encarar

Quando o concorrente manda muito bem em publicidade, como é o caso da Absolut, é difícil se sobressair na comunicação... mas a vodka turca Binboa não se deu por rogada e mandou muito bem nesse filme em stop motion com mais de 5 mil fotos.

28 de abr de 2010

Inspiração: Missão Impossível?

A DDB Paris criou um divertido comercial mostrando como Lalo Schifrin teve inspiração para criar a trilha sonora de Missão Impossível.



(via e*ideias)

27 de abr de 2010

AC/DC na Fachada do Castelo

A fachada do Rochester Castle, na Inglaterra, virou pano de fundo para um verdadeiro videoclipe ao ar livre da banda australiana AC/DC. Fantástica projeção mapeada produzida pela Seeper



(via ideafixa)

Vitrine Voyeur


“(…) a vitrine é a sua própria mídia. E justamente por isso tem que ser interessante por ela mesma, abusando de ideias, bom gosto e criatividade. Uma vitrine impactante e original é, antes de mais nada, um convite irrecusável”.

O site Vitrine Voyeur publica e avalia algumas das vitrines de lojas mais criativas de São Paulo, Nova York, Londres, Paris e Buenos Aires. Em tempos de Lei Cidade Limpa, eis aí um nicho que merece a maior atenção!


Liberdade de Expressão em Pôsteres

O site PosterForTomorrow  fez uma sensacional coletânea de 100 pôsteres sobre liberdade de expressão. Aqui no Mosca Branca você confere, na visão do autor, o crème de la crème:








26 de abr de 2010

E o Oscar de melhor aplicativo original vai para...


Em 1849, o doutor George Parkman foi assassinado pelo seu ex-colega de classe John Webster em Boston naquele que se tornou um dos crimes mais famosos dos Estados Unidos no século XIX. A reconstituição desse trágico episódio é o pano de fundo do primeiro filme feito exclusivamente para iPhone a debutar em um grande festival de cinema internacional - no caso, o Festival Internacional de Cinema de Boston.

"Murder on Beacon Hill" é uma produção de 43 minutos feita no ano passado exclusivamente para ser vista na palma da mão e em capítulos minúsculos. Depois de baixado, o aplicativo interativo guia o espectador, através do recurso de áudio tour típico de museus, por locais em Boston relacionados ao assassinato de Perkman.

Agora, nas telonas, resta saber se o aplicativo conservará seu fascínio. Seja como for, já dá para vislumbrar quando o Oscar inaugural para melhor aplicativo original for entregue, não?!

Confira abaixo o trailer:

Sorry, I'm on the road

De Harley no Chatroulette... Uma das campanhas mais simples e eficientes que tive acesso nos últimos tempos.

Devo needs you!

A banda Devo, um dos grandes nomes do movimento New Wave nos anos 70 e 80, resolveu retomar as atividades depois de 20 anos sem lançar um álbum de estúdio. A banda chamou muita atenção na época de seu surgimento por formar um conceito, a de-volução, em que seus integrantes acreditavam que a raça humana havia chegado a seu ápice, e estava “de-evoluindo”, ou seja, voltando a idade das cavernas.


Honrando o antigo visual, que remetia ao futuro e à tecnologia, eles retornam com uma campanha, capitaneada pela Mother de Nova York, que não tem nada de retrô. Tudo começou com uma série de vídeos em um canal do YouTube, onde apresentam a tal filosofia “De-volution” e introduzem Greg Scholl, um suposto COO da chamada Devo Inc., uma empresa que deseja efetuar uma série de pesquisas e testes com os fãs da banda - Greg, na verdade, é ninguém menos do que o diretor executivo da Orchard, a maior distribuidora de música digital de gravadoras independentes.


A ideia toda gira em torno de trazer algumas opiniões e mudanças para a banda em seu novo trabalho. Daí surgiu o Devo Color Study, um teste feito com algumas perguntas bizarras relacionadas a cores. O objetivo? Escolher uma nova cor para os famosos chapéus vermelhos da banda!

A bola da vez agora é o Song Study, um projeto que incentiva os fãs a escutarem trechos das novas músicas do grupo e selecionarem quais deverão integrar o aguardado cd de inéditas.


Foram feitas 16 músicas que estão com trechos disponíveis para serem escutadas no site. Você vota nas 12 que mais gostou e confere o resultado, postando uma foto sua, que fará parte do gráfico-humano, como podem ver na imagem acima. Pelos resultados, já é possível praticamente afirmar 7 das músicas que estarão com certeza no novo álbum.



(via Y2)

24 de abr de 2010

Graffiti Analysis

Graffiti Analysis é um projeto experimental para analisar o movimento do grafite, ou melhor, da tag grafite. Criado pelo Graffiti Research Lab em OpenSource, funciona da seguinte forma: uma câmera ligada a um computador detecta o movimento da caneta em ação e um software o processa para gerar uma versão 3D da tag. Essa é então exportada em um formato exclusivo – GML (Graffiti Markup Language), e baixada para uma galeria de tags – http://000000book.com/.

No final, o trabalho agregado à galeria pode servir de referência para os mais diferentes perfis de grafiteiros espalhados mundo afora. Assista abaixo o vídeo demonstrativo:



Todo o material necessário para inserir a sua marca no projeto está detalhado aqui.

(via Caligraffiti)

23 de abr de 2010

CCSP Ad Analyser App

Muita calma nessa hora! A previsão de lançamento é apenas em 2027...



(via Bicho de Goiaba)

Água fala

Para alertar sobre o problema de falta de água potável em países subdesenvolvidos, que chega a matar cerca de 8 milhões de pessoas por ano contaminadas por ingestão de água suja, a ONG Solidarites International criou uma instalação em Paris onde a própria água pôde dar o recado. Sensacional!

22 de abr de 2010

O Hino da Geração Geek

"Entrepreneur State of Mind" é um remake de "Empire State of Mind", o consagrado videoclipe de Jay-Z e Alicia Keys. Se a geração geek precisava de um hino, ele certamente cumpre muito bem a função!

O homem que morreu de propaganda

A Thought Bubble acaba de produzir um vídeo bem interessante para a Ad Busters, ONG anticonsumista baseada em Vancouver, no Canadá. O vídeo, chamado 'Junk Thought', relaciona a problemática do excesso de informação a qual estamos expostos com a poluição, nesse caso, mental.

Mostra que, do mesmo jeito que sabemos dos efeitos nocivos de um belo junk food goela abaixo, deveríamos também ter consciência de que as coisas que comemos com os olhos e ouvidos podem ter consequências muito piores.

No vídeo, vale destacar um trechinho de um conto escrito em 1866 pelo francês Emile Zola, “Death by Advertising”, sobre um sujeito ingênuo que simplesmente consumia tudo o que lhe era sugerido pela propaganda.



(via UOD)

20 de abr de 2010

Janelas Virtuais

Se você mora em algum lugar cuja paisagem não te agrada (e tem bastante dinheiro), o Winscape pode ser uma engenhosa solução. Trata-se de uma combinação de duas televisões de plasma de 46 polegadas, um Mac, um Wii Remote, um colar emissor de raios infra-vermelho e um aplicativo para iPhone que simula duas janelas virtuais com imagem em alta definição e sistema de som.

As televisões, conectadas ao Mac, exibem a paisagem escolhida pelo aplicativo do iPhone e o Wii Remote, aliado ao colar personalizado, captam a posição da pessoa para ajustar a imagem.

Confira mais detalhes aqui e se delicie com o vídeo promocional abaixo, com a valiosíssima participação de um simpático bebê:



(via Vorkurs)

Só acredito, vendo... o making of

Nem sempre o que assistimos na TV ou na Internet pode ser considerado uma verdade absoluta



Esse vídeo surgiu na Internet no início do ano e chamou a atenção de muita gente, tendo sido replicado em centenas de veículos de informação. Mas, para saber o que realmente aconteceu, é melhor você assistir o making of.



(via idearium)

19 de abr de 2010

Um Beijo em Time Lapse

Flutebox - Beatbox com Flauta



(via Intervenções)

Why Music Matters?

Com uma produção musical tão vasta e com possibilidades de acesso jamais vistas, será que as pessoas se dão conta do valor que a música, de fato, tem em suas vidas?



Essa foi a indagação/pressuposto que levou ao surgimento do Music Matters, um coletivo de cantores, compositores, instrumentistas, produtores e managers que procura, por meio de uma espécie de selo de qualidade, combater a pirataria e, consequentemente, resguardar os interesses das partes envolvidas na produção musical.

A proposta fica bem clara na seção de perguntas e respostas do site do projeto. “Os pop stars e gravadoras são ricos. Realmente faz diferença se eu baixar uma ou dias músicas sem pagar?”. E a resposta: “todo criador tem o direito de ser pago pelo tempo, esforço e dinheiro investido na produção de música de qualidade para nosso aproveitamento. Quando a música é baixada de graça, o ciclo de investimento é quebrado e isso provoca um impacto adverso no investimento em talentos emergentes”.

Aqui você encontra uma relação completa das empresas que já aderiram à iniciativa.

Independente da posição que você tenha sobre a questão, vale a pena assistir os belíssimos vídeos de animação produzidos para dar suporte à proposta. Abaixo, três dos meus favoritos:





16 de abr de 2010

A solução da Puma para as caixas de sapato sem uso



(via Newrônio ESPM)

Aprendendo com Realidade Aumentada

O vídeo abaixo mostra uma série de exemplos de aplicação de realidade aumentada no ensino de conteúdos de diversas disciplinas do currículo escolar. Vale conferir e se inspirar!



(via Lousa Digital)

Nike Music Shoes



Projeto criado para promover os novos modelos Nike Free adaptados para o sistema Nike Plus.

(via e*ideias)

A volta ao mundo em 80 segundos



Criado a partir de 640 fotografias tiradas em várias partes do mundo pelo fotógrafo francês Alex Profit, o projeto 'Le tour du monde en quatre-vingts secondes' foi realizado em três semanas pela Rapp France para a Sony, com o intuito de divulgar a câmera fotográfica Cyber-shot HX5V.

O fotógrafo viajou por lugares como Cairo, Mumbai, Nova York e Londres para criar o short movie de 80 segundos.

Confira aqui o making of

14 de abr de 2010

Só mesmo apelando para a dolorosa

Não tem jeito! Tem certas questões sobre as quais as pessoas só se conscientizam de fato quando sentem no bolso.

Pensando nisso, a Ogilvy Brasil realizou uma engenhosa ação em dois conhecidos bares de São Paulo. Ao pedir a conta, carinhosamente chamada por essas bandas de 'dolorosa', o susto: US$ 73 mil.

Refeitos, os clientes verificavam na descrição dos serviços que ali estavam incluídos todos os custos decorrentes de um possível acidente, caso decidissem dirigir para casa depois de beber.

Vi primeiro no B#9

Live Flickr

O WallPeople é uma obra de rua "única e irrepetível" que se repartiu na semana passada pelas cidades de Lisboa, Barcelona, Madri, Cidade do México, Buenos Aires, Nicósia, Roma, Valência e Budapeste.


O movimento criado por dois publicitários espanhóis muito a fim de fazer arte, David Marcos e Pablo Quijano, partiu de paredes e muros eleitos aleatóriamente em cada uma dessas localidades que, exatamente às 17 horas do dia 10 de abril, foram transformados simultâneamente em museus improvisados ao ar livre. Qualquer pessoa, amadora ou profissional, pôde expor e observar as fotografias uns dos outros.


Valia tudo. Ou quase tudo. Nada de fotografias que "ferissem suscetibilidades", pediu a organização do evento,que fez o convite por meio de sua página no Facebook e de seu perfil no Twitter.

Segundo David Marcos,“a exibição desses pequenos fragmentos da vida, reais ou irreais, sempre foi uma atividade própria de espaços fechados. Está na hora de sair às ruas”. Confira abaixo um belíssimo vídeo sobre a ação em Barcelona e torça, assim como eu, para que da próxima vez, o projeto também seja replicado por aqui.

12 de abr de 2010

Um Jornalista em uma Odisséia Etílica



O experiente jornalista Marty Wombache, o simpático cara da foto aí de cima, e que é especialista em dar pitacos sobre bares de Nova York, resolveu mergulhar em um projeto, digamos, um tanto ousado. Serão 365 dias bebendo em bares diferentes de NY City e relatando tudo sobre cada boteco no seu blog.

Atualmente, ele está no nonagésimo segundo dia de sua odisséia etílica. Conforme as regras que ele próprio estabeleceu, terá de percorrer 365 bares em 365 dias, e deverá beber três cervejas, no mínimo, em cada lugar. Sem pausa para descanso e ressaca. Uma das ideias, aliás, é tentar provar que uma bebedeira cura a da noite anterior.


Segundo ele, o bar ideal é um inferninho com personagens realmente interessantes. "Se o bar é o mais legal do mundo, mas está cheio de babacas, vai ser uma noite ruim. Quem quer beber no mesmo lugar que um monte de babacas?”, diz.

Se sobreviver, ele promete ficar cerca de 24 horas sem tomar um gole de birita.

(Dica da Lalai)

Um sábado no Mercadão

O designer e diretor de arte Jorge Brivilati passou um sábado no tradicional Mercado Municipal de São Paulo, também conhecido como Mercadão. Registou o passeio com nada menos que 3.900 fotos que resultaram neste ótimo vídeo em stop motion.

As Cidades e seus Pequenos Homens de Cimento


O artista inglês Isaac Cordal faz sua arte nas ruas, mostrando cenas da vida de pequenos seres feitos de cimento, presos em suas vidas tristes e solitárias. O fato de serem pessoas de cimento, torna ainda mais fria a vida urbana, quase um retrato de como a cidade endurece a todos nós.











10 de abr de 2010

A moda segundo seu perfil no Twitter


A varejista de moda UNIQLO criou um mini catálogo animado utilizando o Twitter. Basta acessar o site e digitar seu login de usuário no campo indicado e a ferramenta resgata suas últimas informações (foto do perfil, últimos tweets, replies, etc) e cria uma animação que interage com as novidades da loja.

Vale a pena conferir: http://www.uniqlo.com/utweet/

(via Comunicadores)

A onda do video in print

A pioneira foi a Pepsi, que patrocinou o primeiro video in print que se tem notícia para uma ação da CBS na revista Entertainment Weekly de setembro do ano passado (confira aqui o post publicado na época). Agora, a tecnologia, que permite a visualização de vídeos em encartes em papel, parece ter despertado de vez o interesse das montadoras de veículos.

Confira nos vídeos abaixo as ações promovidas pela Citroen, a mais recente, e pela Renault, há cerca de um mês atrás:



A Era do Vinil

O Senhor Stop Motion

Desde que o YouTube conquistou o mundo, uma das manifestações artísticas que ganharam mais força é a técnica do stop motion. Em tempos em que as pessoas é que produzem o conteúdo, o stop motion cai como uma luva: uma linguagem democrática onde basta uma câmera, um pouco de imaginação e muita paciência para produzir um vídeo.

Quem se deu muito bem nessa onda foi PES ou Adam Pesapane. Ganhador com o curta “Roof Sex” do Festival internacional de animação Annecy de 2002 na categoria Best First Film, o diretor já criou para comerciais de marcas como Orange, Bacardi, Nike, PSP, entre outros.

Nas palavras de Michel Gondry: “Clicar em um filme de PES é como abrir um cofre e ver de repente milhões de idéias brilhando e explodindo. A única razão para fechar a porta é poder reabri-la em seguida e descobrir o que vai saltar desta vez”.

Confira abaixo algumas maravilhas produzidas por ele:







(Referência: Estalo)

9 de abr de 2010

Convergência ainda é novidade na propaganda convencional

Muito se fala em convergência na produção e distribuição de conteúdo editorial, mas pouco se vê em relação ao uso de recursos de outras mídias na propaganda convencional.  Contudo, depois do sucesso mais do que justificado do comercial da TBWA francesa para promover a conscientização das pessoas em relação ao uso de preservativos, onde foram fartamente exploradas técnicas próprias do grafite, é de se esperar que essa seja uma tendência em alta.

Enquanto a convergência, de fato, não decola no mercado publicitário, vale a pena rever (ou ver pela primeira vez e se admirar) com o comercial AIDES Graffiti, além de outras jóias raras que usam recursos de HQs, caso da propaganda da Heineken; animação, caso da campanha da Saatchi & Saatchi contra a violência infantil, premiada inclusive em Cannes; e de videogames, caso do comercial da Coca-Cola exibido na China.







8 de abr de 2010

Quadrinhos no iPad

Para provar que nem só de livros, revistas e games vive o iPad, o aplicativo “Marvel Comics App for iPad” já está à disposição gratuitamente e é designado para aproveitar da melhor maneira possível a tela de 9,7 polegadas do novo gadget para a leitura de HQs.

O acervo, nesta fase inicial, é de aproximadamente 500 HQs, incluindo materiais de Homem de Ferro, Capitão América, Hulk, Thor e Homem-Aranha, com o preço individual de dois dólares cada. Os usuários  podem ainda avaliar as histórias, criando uma espécie de ranking colaborativo na página do aplicativo.
Confira abaixo um vídeo demonstrativo produzido pela equipe do Boing Boing

7 de abr de 2010

Abaixo o Cinza!


O projeto ‘Let’s Colour’ é uma iniciativa global que pretende dar vida a espaços cinza através da cor. Já passou pelo Rio mês passado, seguiu para Paris, Londres, e agora está em Johdpur, na Índia. A idéia é trabalhar com comunidades locais, arregaçar as mangas e pintar! Qualquer pessoa pode participar da iniciativa, que vem transformando parques, ruas, escolas, locais opressivos e tristes em bombas de cor vibrante.


Além de fazer propaganda da rede de tintas que o patrocina, Akzo Nobel, o projeto é um incentivo para que todas as pessoas façam mudanças no espaço que ocupam, através das cores.


Confira abaixo um mini documentário gravado quando o projeto passou pela Lapa, no Rio de Janeiro.

Quando o blogueiro vira garoto-propaganda...

A rede Taco Bell inovou em seu novo comercial colocando um blogueiro como garoto-propaganda. Ele é um especialista em camarões que conta em seu blog todas as experiências ao redor do mundo procurando pelos melhores e mais raros camarões. E não existe nenhum que ele não tenha provado. Até aparecer o novo taco de camarão do Taco Bell.

Sem entrar no mérito da qualidade da guloseima e da produção, não deixa de ser curioso verificar que uma das maiores cadeias de fast food dos Estados Unidos optou pela figura de um blogueiro, mesmo que fictício, e não de uma celebridade ou coisa que o valha, para fazer a campanha de um lançamento de um produto na TV. Sinal dos tempos?



(via Pitaco)

Eating Design


‘Panpaati’, o delicioso projeto do consagrado designer e artista plástico espanhol Enoc Armengol, vai fazer você correr na padaria mais próxima. Totalmente biodegradável, esta instalação feita inteiramente de massa de pão, também é, segundo seu criador, reflexo da sociedade atual, onde tudo surge tão rapidamente como desaparece.


Enoc também justifica o material dizendo que o pão e sua simplicidade representam a nossa ligação direta com a natureza. Confira no vídeo abaixo o making of:

Tetris Analógico

6 de abr de 2010

Tabaco Criativo


Um russo chamado Igor Sergeev dedica-se a 34 anos a colecionar maços de cigarro do mundo todo. Atualmente, sua coleção contempla 35.888 itens diferentes, onde não faltam exemplos no mínimo curiosos, quer no nome quer no design das embalagens.


Vale a pena visitar o site de Igor, onde ele disponiblizou imagens de cada um dos exemplares de sua coleção, divididos por ordem alfabética e país de origem.

4 de abr de 2010

E se sua vida durasse 1 minuto?



(via Bicho de Goiaba)

Assassination Sandwiches


O artista canadense Tibi Tibi Neuspiel criou este projeto chamado de “Assassination Sandwiches”, que tem impresso no pão de forma tostado, figuras ilustres da história, que foram vítimas de assassinato. O interessante é que ele coloca no mesmo sanduíche, assassino e vítima, em fatias opostas. O projeto já foi exposto no Artists Space em Nova York, The Ottawa Art Gallery, the Art Gallery of Ontario e Art Basel.



(via Design on the Rocks)

2 de abr de 2010

Real x Virtual

Vale muito a pena assistir os quase vinte minutos desta surpreendente, deveras assustadora produção, que integra o projeto FutureStates, composto por onze caprichadíssimos curtas que procuram, de uma forma bastante criativa, por vezes até caricata, esboçar o futuro da nossa sociedade.

Um casal apaixonado por manipulação de imagens


A Sarah e o Thad são um casal com um hobby diferente: todos os dias eles fotografam a si mesmos e manipulam as imagens. Com a ajuda do Photoshop, eles transformam atividades cotidianas como limpar a casa, namorar, brigar e outras tantas, em imagens divertidas e muito criativas. Para ver mais fotos, entre no flickr deles.




(via Escola de Criação ESPM)

Cinema de Rua

30 dias - 30 filmes

Esta foi a missão iniciada por 5 amigos no dia 8 de fevereiro e terminada no dia 8 de março deste ano . O objetivo: fazer o upload de 1 video por dia. O tema: cotidiano. O lugar: São Paulo

O resultado é o projeto Cinema de Rua, recheado de vídeos belíssimos, imagens de uma cidade recortada pela lente de uma câmera operada pelo olho de habitantes que conseguiram enxergar nas ações cotidianas mais simples a beleza do descontrole daquilo que chamamos de urbanidade.











(via Idearium)

A Balada Silenciosa


O que não pode faltar em uma balada? Bebida? Homens e mulheres solteiros? Pense em algo mais essencial… música. Ok, mas isso não quer dizer que a balada não possa ser silenciosa.

Como assim?! Esse é extamanente o conceito do Nokia Silent Club, que traz para o Brasil, no próximo dia 6, uma febre na Europa conhecida como 'silent disco'. Trata-se de um conceito que leva ao pé da letra a customização de um produto ou serviço, já que cada um escolhe a música que quer ouvir e basta apertar um botão para acabar com a festa.


Duzentos fones de ouvidos bluetooth serão distribuídos em uma das mais badaladas casas de São Paulo, a Sonique. Bastará a cada frequentador escolher entre três canais comandados pelos DJs Killer On The Dancefloor, De Polainas e Thiago Ney, com sets montados a partir do respeitável acervo de 6 milhões de músicas da Nokia Music Store. Gostou da música? Saia dançando. Quer dar um tempo? Desligue o fone.


A entrada é franca e cada frequenatdor ganhará um voucher para baixar cinco músicas de sua preferência do setlist da noite.

Confira abaixo um vídeo de uma festa similar gravado na Inglaterra no ano passado. Inusitado e divertido!



(Referência: Fayerwayer Brasil)