31 de ago de 2009

À la Matrix

Impregnadas de efeito bullet time – a nós apresentado pela trilogia cinematográfica Matrix – as esculturas humanas do artista holandês Peter Jansen causam espanto e estranheza ao detalhar cada frame de movimento.
Moldadas em poliamida, metal ou bronze, a série “Human Motions” de Jansen está atualmente em cartaz na Moss Galery, em Nova York.
Escreva no papel como se grafitasse as paredes


Walls Notebook não é mais um livro de arte urbana para você deixar enfeitando a mesinha da sua sala. Na verdade é um sketchbook diferente - e divertido para qualquer pessoa! Em vez de páginas em branco, o Walls Notebook tem 80 páginas de fotos das paredes ainda intocadas de N.Y, com bastante espaço livre para você fazer sua arte…

Custa 17 dólares na Charles & Marie. Agora, se você quiser ter a mesma experiência sem pagar nada, o site permite que você rabisque algumas páginas.


(via Follow the Colours)
As últimas novidades em tecnologia
para o varejo


IBOPE Eletrônico


Imagine saber com exatidão quantas pessoas pararam para ver uma vitrine. É exatamente isso que o display inteligente da 3RCorp faz. Ele também mede a audiência dos anúncios publicitários veiculados no interior da loja. Por meio de uma câmera de vídeo acoplada a um monitor de TV, o display contabiliza quantos clientes pararam para ver e por quanto tempo. Com isso, é possível mensurar a efetividade ou aceitação da vitrine junto ao público. O display também ajuda a aprimorar o relacionamento com o cliente. Para isso, basta que o cliente posicione seu cartão de fidelidade em frente ao display, que mostrará as novidades de acordo com seu perfil de compras.

Produtos Flutuantes


Com esse display da Midia Planet - um equipamento eletromagnético à base de eletroimã, os produtos literalmente flutuam para chamar a atenção dos clientes.

1,2,3,4...


Saber quantas pessoas passaram por cada corredor da loja pode ser uma informação valiosa. O controle eletrônico de fluxo de clientes da Plastron Sensormatic faz isso. O equipamento composto por câmeras e um sistema de digitalização de imagens conta o número de pessoas que entraram na loja, saíram, de hora em hora. Em seguida, disponibiliza os dados na Internet.

Sommelier Virtual



Que tal um sommelier sempre à disposição? Ao passar a garrafa de vindo pela adega digital da Elgin, ela reconhece o código de barras e informa todas as características do produto, com detalhamento de país e região de origem, tipo de uva utilizada na produção, ano da safra, produtor, teor alcoólico, sabores e aromas. O equipamento também aconselha receitas para acompanhar com o vinho escolhido pelo cliente e depois imprime as informações. Com tecnologia touch screen sensível ao toque.

2012 - Onda Zero


Já está no ar “2012 – Onda Zero”, a primeira websérie brasileira de ficção científica. A iniciativa da Kilmerson Produções destaca-se como a primeira produção nacional do gênero com foco em formato para internet. A primeira temporada será composta por 10 episódios com 7 minutos de duração cada. O piloto está disponível aqui

Cada episódio contará com o suporte de diferentes processos e canais de interatividade, sendo o principal o site oficial do projeto. A trilha sonora é do grupo Hydria

"2012 - Onda Zero" narra a história de JP, um jovem de 23 anos que passa a sofrer com um evento estranho relacionado com o fim do mundo. Ele vive a constante sensação de que, a qualquer momento, poderá cair num abismo existencial e de que o mundo está prestes a ser destruído. O que ele não sabe é que pode estar sendo observado de perto. Temendo que a realidade se desfaça a sua frente, JP se afasta da família, dos amigos, do trabalho e de sua namorada Wanessa. Mas seu maior medo se torna real quando ele é levado a encarar um mundo completamente destruído e um observador tão sinistro quanto o pesadelo real em que ele está perdido.

Alguns elementos como “o observador” e o flashforward são pontos que mostram que realmente a produção está em sintonia com a audiência jovem que é fã de séries.

Confira abaixo dois spots promocionais.




28 de ago de 2009

Que capa!


Mosca branca essa capa de CD da banda canadense Splitting Adam. O conceito todo envolve um personagem fictício chamado Adam e sua luta interna contra um distúrbio bipolar. A capa divide a cabeça de Adam ao meio para revelar o que tem dentro, um holograma animado em 3D que transforma um carneiro passivo em um gorila agressivo. O CD e os documentos da contracapa mostram o estado mental de Adam com os sinais vitais e o prognóstico final.

O mais bacana de tudo? A foto de Adam foi criada utilizando uma combinação de fotos dos cinco membros da banda. Cada um deles precisou ser fotografado em rotação, para criar a base da sequência de animação. A embalagem personalizada foi criada pela agência Rethink de Vancouver.

Global Student Journalists é uma rede social voltada exclusivamente para estudantes de jornalismo. O ponto de encontro virtual foi criado pela professora Anna Rodrigues da Durham College, de Oshawa, no Canada, com investimentos provenientes da Durham College Innovation Fund.

A rede permite que os estudantes criem um perfil e se conectem com aspirantes a jornalistas em qualquer parte do mundo. Os membros podem se relacionar, dividir ideias, incluir projetos e obter e dar feedback sobre trabalhos, artigos, pesquisas e teses.

26 de ago de 2009

da estrada

Sinal de tempos em que nada se perde, tudo se transforma, as lonas que tradicionalmente protegem a carga dos caminhões ganharam aplicações nada previsíveis – em tapetes, estofados, calçados e roupa.

1. Conhecida como BR100, a lona de caminhão reciclada pela JRJ passa por um amaciamento e depois é tingida, bordada ou desbotada. Vai bem em toldos, painéis e paredes.Preços a partir de R$ 132 o m².

2. Recém-lançada, a coleção Motivos Locomotiva oferece uma infinidade de padrões, resultado de diferentes métodos de beneficiamento e estamparia. Os preços começam em R$ 180 por m (com 1,40 m de largura).


3. Cada poltrona SP270 é única – prova disso é o carimbo no estofamento, as manchas e os vincos do tecido, que nunca se repetem. Criação do designer mexicano radicado no Brasil Aurélio Martinez Flores, a peça é vendida na Firma Casa.


4. O tênis Cabeção, à venda na loja virtual Tuitá (empresa comprometida com o desenvolvimento sustentável), é feito com lona de caminhão reusada. Sai por R$ 149.

(via Planeta Sustentável)
Mensagens nada subliminares

A Quilmes acaba de lançar seu mais recente comercial, desenvolvido pela agência Young & Rubicam de Buenos Aires. O filme brinca com os clichês de comerciais de cerveja mostrando rótulos virados para frente e mulheres lindas com cabelos esvoaçantes. Bem divertido e inteligente!

25 de ago de 2009

Botando o Sonho em Campo

O projeto DreamFields , capitaneado pelo radialista John Perlman, tem como objetivo levantar recursos que incentivem a prática do futebol em pequenas cidades e escolas rurais na África do Sul, aproveitando o ensejo da realização da Copa do Mundo em 2010. Uma das principais ações é a produção de “dream bags”, que são, na verdade, kits com bolas, chuteiras, camisas numeradas, shorts e meiões. Mais de 776 já foram distribuídas desde outubro de 2007, quando o projeto começou.
Além disso, os organizadores promovem campeonatos - dream events - e a construção de campos - dream fields - para a prática do esporte. O DreamFields Project conta com o apoio do Ministério da Educação e o patrocínio da BHP Billiton e Old Mutual. A meta é construir 32 campos de futebol até o final de 2010, sendo que até o momento apenas oito foram viabilizados.
O projeto está no Facebook e no Flickr e conta também com várias ações de divulgação. Em uma delas, a BBDO distribuiu jornais sul-africanos de grande circulação embrulhados em uma sacola plástica, com o seguinte texto:

"Isso é uma bola de futebol, ou uma sacola de plástico como é mais conhecida.Você está segurando parte de um sonho em suas mãos, o único sonho de algumas crianças que jogam em campos de várzea cheios de lama. Uma sacola dessas é preenchida com mais sacolas e amarrada com corda, até parecer com uma bola. E como uma bola real, é chutada e divida por crianças com olhos brilhantes, cheias de esperança no coração. Pense em quantas estrelas não são notadas, só porque não têm acesso a instalações básicas"

Outra ação interessante tomou parte de alguns dos vários campos de golfe da região que, diga-se de passagem, equivalem em área a aproximadamente 500 campos de futebol. Uma bandeirinha de escanteio foi postada delimitando o território das tacadas com a seguinte mensagem:

“Bom dia golfistas. Não se preocupem, isso não é nenhum programa absurdo de redistribuição de terra feito para atrapalhar a sua tacada. Mas pelo menos conseguimos chamar a sua atenção. Mesmo assim, o que precisamos mesmo é da sua assistência. Nós somos um grupo de corporações e indivíduos com o sonho de construir o maior número possível de campos de futebol em pequenas cidades e áreas rurais. Você pode patrocinar este sonho e favorecer milhões de crianças. Pense nisso e agora aproveite o seu jogo”


Veja abaixo o vídeo case do projeto:

A primeira viagem de um bebê
ao redor do Sol

Zac Bir teve uma ideia genial: fotografar seu filho Alexander todos os dias desde o nascimento, criando esse lindo calendário de um ano em time-lapse.

24 de ago de 2009

O Twitter e a Evolução da Comunicação

Esse cartoon, feito por Mike Keefe, pode ser explicada pela afirmação do nobel de literatura José Saramago sobre o Twitter:

“Os tais 140 caracteres reflectem algo que já conhecíamos: a tendência para o monossílabo como forma de comunicação. De degrau em degrau, vamos descendo até o grunhido.”
Concordam?
Livros que elevam

Que os livros fazem você subir na vida ninguém duvida. Partindo daí, a Creacional AAG de Quito criou essa ambientação bem legal, chamativa e adequada para a universidade SEK.

Baralho do Caminhoneiro



O Baralho do Caminhoneiro, invenção da doutora em Literatura Comparada Mônica Kalil, traz para o jogo de cartas as impagáveis frases dos pára-choques de caminhões.


O jogo é composto por 52 frases diferentes (duas coringas e duas cartas-reserva) e vem em um tubo de papel kraft com tampa de alumínio. Custa R$ 22,00 (+ frete).

(via Bem Legaus)
Royal Tea


A Donkey Products, uma empresa de design alemã uniu dois grandes símbolos da cultura inglesa, o chá e a família real, e criou o RoyalTea, saquinhos de chá que tem na ponta desenhos de membros da realeza. As ilustrações retratam de forma divertida os príncipes Charles, Harry e William e a rainha Elizabeth. Nem mesmo Camilla Parker, atual mulher de Charles, ficou de fora da brincadeira.


Para quem é avesso à monarquia, é possível optar pela versão democrata do produto. Ela taz o presidente Obama acompanhado de outros governantes como Nicolas Sarkozy e Angela Merkel. Cada pacote vem com cinco unidades.

23 de ago de 2009

Teatro dentro de casa

Entrar na casa de alguém desconhecido e presenciar uma intervenção artística - uma mini-peça de teatro, uma performance, uma instalação ou a documentação do cotidiano real dos próprios moradores. Essa é a premissa do projeto X Homes, criado por Matthias Lilienthal, diretor artístico do teatro Hebbel am Ufer, na Alemanha.

Realizado desde 2002 com sucesso na Alemanha (em Duisburgo e Berlim), na Turquia (Istambul) e na Venezuela (Caracas), o projeto passou em junho pelo SESC Consolação, em São Paulo, com o nome de X Moradias, e seguirá em outubro para Viena, na Áustria. Para 2010 já está prevista uma visita a Joanesburgo, na África do Sul, e Varsóvia, na Polônia.

A ideia é levar o público à casa de alguém desconhecido para presenciar uma intervenção artística que tenha a ver com o cotidiano dos próprios moradores. Cada espectador escolhe um horário e um percurso, e a pé, normalmente junto com outro espectador, segue um roteiro pré-estabelecido visitando moradias.

Enfim, ficção e realidade, teatro e cotidiano misturam-se numa missão de descoberta de outros ângulos da cidade, seu dia a dia e seus pormenores. Bela iniciativa!
Tênis conectado

A Nike lançou em junho nos Estados Unidos as novas pulseiras que vão substituir os iPods no sistema Nike Plus. A previsão é de que elas cheguem ao Brasil mês que vem e impulsionem ainda mais a comunidade de 1,2 milhão de esportistas em todo o mundo, o maior grupo de corredores já reunidos - apenas no Brasil são 35 mil.

O Nike Plus é constituído por um kit composto de um sensor para ser instalado no tênis e um pequeno receptor para iPod, que poderá ser substituído a partir de setembro pela pulseira. Funciona da seguinte forma: o sensor registra os dados da corrida, como quilômetros percorridos, tempo, ritmo médio e consumo de calorias. A partir daí, os dados são arquivados em um site de relacionamento criado e mantido pela Nike. O iPod ou a pulseira, devidamente abastecidos com as informações obtidas na corrida pelo sensor, descarregam os dados diretamente no perfil do usuário. No site, ele pode conferir a evolução de sua performance por meio de gráficos e compará-la com a de outros corredores que participam da comunidade.

Trata-se de uma poderosíssima base de dados que permite à Nike entender no mais ínfimo detalhe a maneira como os consumidores usam seus produtos. Além de fornecer dados dignos de almanaque - como os de que a distância total percorrida pelos corredores equivale a 2 700 voltas ao mundo e os quilos queimados nos exercícios equivalem ao peso de dez Airbus A380 -, o Nike Plus transformou produto em serviço. Seu site na internet é o lugar em que aficionados de corrida de todo o mundo se encontram, trocam informações e se relacionam.

Por meio do sistema, a Nike descobriu, por exemplo, que o dia mais popular para corridas é o domingo, que boa parte dos corredores costuma se exercitar no fim do dia e que os corredores estabelecem metas mais ambiciosas para suas corridas depois de feriados prolongados. Outro dado recém-descoberto é a média mundial de duração dos treinos: 35 minutos. Os técnicos também notaram que os corredores só são definitivamente cativados pelo sistema após o quinto treino, quando passam a comparar compulsivamente sua performance.


Entre os dados há ainda curiosidades, como as músicas preferidas dos corredores para servir de trilha sonora para as corridas. No site, a Nike montou uma parada de sucessos chamada Powersong, em que os corredores de todo o mundo indicam sua música preferida. Atualmente, a parada é encabeçada por Eye of the Tiger, tema do filme Rocky III.

(Referência: Revista Exame)

22 de ago de 2009

Invasão

Fantástica essa ação de marketing de guerrilha executada em prol da Vitamin Water, marca de agua “vitaminada” que tem uma proposta de ser um Gatorade sofisticado. Um veículo de guerra anfíbio surge do meio do mar em direção a uma paradisíaca praia holandesa. Na areia, promotores com roupas pretas, aguardam o veículo com os banhistas surpreendidos pela ação. Eis que já em terra, o veículo se abre, libertando um DJ que anima o público com uma festa cheia de energia e música.

Abaixo vocês conferem o vídeo da ação produzida pela Natwerk de Amsterdã.


(via Ypsilon2)

21 de ago de 2009

Paródias Literárias
no Universo dos Quadrinhos

O cartunista Robert Sikoryak se especializou em fazer adaptações de clássicos da literatura em versões de quadrinhos "clássicos". Seu portfolio inclui, por exemplo, "Gregor Brown", 'Metamorfose' de Kafka em versão Charlie Brown, 'Crime e Castigo' de Dostoievski em versão Batman e Robin, e até um "Esperando Godot" de Samuel Beckett com Beavis e Butt-Head (?!).
A coletânea Masterpiece Comics, que está prestes a ser lançada pelo selo Drawn & Quarterly, reúne alguns dos geniais trabalhos do artista criados ao longo dos últimos vinte anos. À venda por US$ 13, 57 na Amazon a partir de 1 de setembro. Grande pedida!
Entre Aspas


O projeto Enjoy My Books é uma nova rede social voltada para apreciadores de citações. O site, ainda em versão beta, permite que os internautas compartilhem os seus trechos de livros, poesias e canções prediletas, e assim possam participar de diferentes grupos de interesse.

Os usuários podem publicar trechos em qualquer idioma e devem classificá-los por gênero. É possível ainda associar imagens e enviar links por e-mail para compartilhar a experiência com outras pessoas.

20 de ago de 2009

Isso é que é deadline!

Imagine uma revista inteira produzida ao longo de um único dia! Por mais louca que possa parecer, essa foi a premissa que uniu jornalistas, designers e fotógrafos belgas em torno do projeto 24Hour Magazine.

A publicação de 47 páginas é idealizada e produzida em vinte e quatro horas. O lema, ou melhor, o mantra é: "1 day. 1 magazine. Start to finish. Scratch to print".

As redes sociais são grandes aliadas dos profissionais envolvidos no projeto para compartilhar sua experiência com a audiência ainda em formação. Eles estão em um blog, no Facebook, Twitter, Flickr e Vimeo.


Em tempos de crise de identidade das mídias tradicionais, iniciativas que apontem novos caminhos como é o caso da 24hour Magazine são muito bem vindas! Confira aqui a primeira edição completa da revista.
Vídeo Encartado


Para promover as novidades da sua programação, a rede de TV americana CBS juntamente com a Pepsi Max veicularão no próximo mês na revista Entertainment Weekly um interactive video-player contendo o trailer das séries “How I Met Your Mother,” “Two and a Half Men,” “The Big Bang Theory” e um comercial da Pepsi que podem ser acessados por botões posicionados abaixo da telinha.

A Wired fez um pequeno vídeo que mostra o funcionamento da criativa e inovadora peça:

Pelos poderes de Alá


O primeiro desenho animado de super-heróis muçulmanos, batizado de 99 por cada um de seus heróis possuir um dos 99 atributos de Alá, tem no elenco de personagens uma mulher vestida com a burca, Batina a Escondida, e um homem saudita estilo Hulk, Jabbar o Poderoso.

Inicialmente produzida no formato de HQ, 99 se transformou em um sucesso retumbante do Marrocos à Indonésia. Recentemente, sua versão televisiva foi considerada pela revista Forbes uma das 20 tendências dominantes do mundo. Agora, os super-heróis do mundo árabe se preparam para invadir as telas britânicas.

Num mercado dominado até o momento por super-heróis como Batman, Homem Aranha e Super Homem, que limitam sua luta contra o crime à América e ao mundo Ocidental, o 99 foi criado com o objetivo de introduzir os valores islâmicos em crianças de todas as crenças.

A mente por trás do sucesso chama-se Naif al-Mutawa, um psicólogo do Kuwait que acreditava que os pequenos muçulmanos precisavam de um novo conjunto de super-heróis em quem se inspirar em oposição aos modelos jihadistas.

- Ocorreu-me que as histórias que eu vinha ouvindo eram de homens que cresceram acreditando que seu líder, Saddam, era um herói, um modelo a ser seguido, para um dia ser torturado por ele - disse ele ao The Times - Decidi que o mundo árabe precisava de modelos melhores.

Ele espera que sua criação consiga um apelo universal. - É baseado em atributos como a generosidade e a misericórdia. E isso não são coisas sobre as quais o Islã tem um monopólio.

Apesar de o desenho ter sido batizado de 99, nunca haverá, no entanto, um elenco com 99 super-heróis, por ser proibido representar todos os 99 atributos de Alá.

19 de ago de 2009

E se as redes sociais e os serviços de Internet fossem alunos de uma universidade, como eles seriam?

A arte chamada "Internet University Cast " foi publicada pelo cartunista que se identifica como ‘elontirien’ na rede social de arte e design DeviantArt, que também virou personagem. Enquanto o Google é representado como um personagem maduro, o microblog Twitter aparece como o adolescente da turma. Já o YouTube parece ser o mais rebelde.
À venda: a eternidade com Marilyn Monroe

A senhora Elsie Poncher precisava de dinheiro, então ela pensou “o que posso vender de valor para pagar a minha hipoteca”? Bem, ela decidiu vender o túmulo do seu marido. Elsie colocou uma propaganda no eBay sobre a oferta imperdível: “aqui está uma chance única na vida de ter a oportunidade de passar todos os seus dias da eternidade diretamente acima de Marilyn Monroe”.

Pois é, o seu falecido marido, Richard Poncher, aproveitou um bom negócio há muitos anos. Ele comprou duas tumbas no Westwood Village Memorial Park, em Los Angeles, que pertenciam ao jogador Joe DiMaggio, o ex-marido de Marilyn, quando o casal se separou em 1954. Marilyn morreu em 1962, e Poncher só morreu em 1986. Agora que Elsie precisa do dinheiro ela pretende retirar os restos de seu marido do túmulo que fica em cima do de Marilyn e transferir tudo para o túmulo de cima, que seria o dela, liberando aquele espaço.

Se a venda der certo, ela será cremada quando morrer, para não precisar ocupar a tumba. O leilão no site começou com 500 mil dólares e as ofertas já ultrapassaram a casa dos milhões – o que é ótimo, pois Elsie precisa de 1,6 milhões para quitar a hipoteca de sua casa em Beverly Hills. “Eu não posso ser mais honesta do que isto. Eu quero deixar a casa livre e limpa para os meus filhos”.

O Westwood Village Memorial Park é moradia para muitas celebridades, incluindo Dean Martin, James Coburn, Roy Orbison, Truman Capote, Natalie Wood e a recentemente falecida Farrah Fawcett. Hugh Hefner, fundador da Playboy, comprou o túmulo ao lado de Monroe em 1992.