19 de ago de 2009

À venda: a eternidade com Marilyn Monroe

A senhora Elsie Poncher precisava de dinheiro, então ela pensou “o que posso vender de valor para pagar a minha hipoteca”? Bem, ela decidiu vender o túmulo do seu marido. Elsie colocou uma propaganda no eBay sobre a oferta imperdível: “aqui está uma chance única na vida de ter a oportunidade de passar todos os seus dias da eternidade diretamente acima de Marilyn Monroe”.

Pois é, o seu falecido marido, Richard Poncher, aproveitou um bom negócio há muitos anos. Ele comprou duas tumbas no Westwood Village Memorial Park, em Los Angeles, que pertenciam ao jogador Joe DiMaggio, o ex-marido de Marilyn, quando o casal se separou em 1954. Marilyn morreu em 1962, e Poncher só morreu em 1986. Agora que Elsie precisa do dinheiro ela pretende retirar os restos de seu marido do túmulo que fica em cima do de Marilyn e transferir tudo para o túmulo de cima, que seria o dela, liberando aquele espaço.

Se a venda der certo, ela será cremada quando morrer, para não precisar ocupar a tumba. O leilão no site começou com 500 mil dólares e as ofertas já ultrapassaram a casa dos milhões – o que é ótimo, pois Elsie precisa de 1,6 milhões para quitar a hipoteca de sua casa em Beverly Hills. “Eu não posso ser mais honesta do que isto. Eu quero deixar a casa livre e limpa para os meus filhos”.

O Westwood Village Memorial Park é moradia para muitas celebridades, incluindo Dean Martin, James Coburn, Roy Orbison, Truman Capote, Natalie Wood e a recentemente falecida Farrah Fawcett. Hugh Hefner, fundador da Playboy, comprou o túmulo ao lado de Monroe em 1992.

Nenhum comentário:

Postar um comentário