6 de ago de 2012

Editora italiana transforma a experiência de viajar em uma verdadeira caça ao tesouro

Na maioria das vezes, o curto prazo que dispomos para viajar não nos permite ir além da superfície do local em que nos encontramos. Talvez esteja aí a explicação para essa nossa 'sangria' de tirar fotos de tudo e de todos sem parar - uma tentativa vã de eternizar os momentos. Sabemos, contudo, que não há nenhum substituto para a imersão. Saborear os personagens e as histórias locais torna a experiência de viajar suprema e única.

A editora italiana WhaiWhai, por meio da série de guias turísticos/aplicativo chamada PegLeg, encontrou uma maneira bastante interessante de ajudar os viajantes a tirar o máximo proveito de suas experiências, mesmo que elas se dêem em um curto prazo de tempo. 



Roma, Veneza, Nova York, enfim, o turista escolhe seu destino e compra o guia na Internet ou em uma loja.  Cada exemplar traz consigo uma senha que dá acesso a vários desafios que são compartilhados via SMS. 


Tal qual uma caça ao tesouro, o turista é levado a caminhar por pontos específicos de cada cidade para solucionar os enigmas que o levarão a uma nova fase. Os enigmas exigem a observação dos locais com perguntas relacionadas à detalhes que fogem de qualquer exploração prematura.

As aventuras - acho que podemos chamar assim - podem ser customizadas de acordo com o tempo que o turista dispõe, o local onde ele se encontra naquele momento em que abre o livro e o nível de dificuldade que deseja encontrar. É possível ainda interagir em tempo real com outras pessoas que estejam 'se aventurando' na cidade, bem como conhecer os comentários de quem já percorreu aquela mesma trajetória

A animação abaixo explica melhor como tudo funciona:



Quando será que teremos versões brasileiras dessas maravilhas, hem?!

Nenhum comentário:

Postar um comentário