24 de nov de 2009

A Antítese do Luxo

Paredes por pintar, canos à mostra, chão cimentado. Não é à toa que o Null Stern Hotel, inaugurado este ano na Suíça, se auto denomina como o primeiro Hotel Zero Estrelas do mundo.

A estrutura que acomoda o hotel é um ex bunker nuclear transformado pelos gêmeos Frank e Patrik Riklin. O bunker fica a 3m abaixo do solo, tendo sido projetado para abrigar 202 pessoas a uma temperatura ambiente de 15 graus. Quartos, banheiros e duchas acolhem mais de uma pessoa ao mesmo tempo. Os quartos não têm janelas ou televisão, não há sistema de aquecimento central, a água quente não é abundante e todos os hóspedes devem acordar impreterívelmente às sete da manhã para deixar as instalações.

Uma exigência para permanecer no hotel é ser sociável, já que o contato com os outros hóspedes é constante. A maioria dos quartos é do tipo comunitário, como nos albergues, então é possível encontrar todo tipo de gente, de caminhoneiros a trabalhadores imigrantes. Para tomar banho, todo mundo precisa entrar na fila logo cedo. Segundo Patrick Riklin, o projeto era atrair pessoas que acreditam que “menos é mais” e que assim pagariam entre R$ 19 e R$ 54 por um quarto.

Assista abaixo a um vídeo que mostra os irmãos gêmeos Patrik e Frank Riklin montando o Hotel sem Estrelas.

Nenhum comentário:

Postar um comentário