4 de set de 2013

Enfim, alguém do museu pensou nas crianças...

Finalmente, alguém se deu conta que os museus e galerias de arte da maneira como são concebidos afugentam o interesse das crianças e adolescentes. Silêncio! Não toque em nada! Prenda a respiração! Deixe para interagir lá fora, apenas observe... Enfim, se não for um pai ou uma mãe ali domando e instigando a cada segundo, esquece...


O pessoal da Torafu Architects resolveu fazer alguma coisa e criou uma espécie de galeria de arte mal assombrada dentro do Museu de Arte Contemporânea de Tóquio. Ao entrar no ambiente, tudo parece com uma sala comum de qualquer museu, com obras famosas expostas e paredes brancas. Até a página 2...







Surgem então corredores aparentemente intermináveis, retratos que parecem seguir os passos dos visitantes, olhos que se movem, rostos que se fundem, enfim, como não se encantar com o homem invisível sentado no canto do corredor?


Esperemos que o espaço seja permanente e que sirva de estímulo para outros museus ao redor do mundo!

Um comentário:

  1. Quem incrível essa interação que foi proporcionada, quem é adulto já está até acostumado, mas com crianças torna-se tudo especial.

    http://umpouco-demundo.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir