13 de jun de 2011

E se as marcas trocassem de roupa?

Já sentiu aquela sensação de estranhamento na boca ao ingerir algo cujo gosto você imaginava ser diferente, por exemplo, algo salgado que você considerava doce? Pois bem, essa foi a primeira impressão que tive do projeto Brand Reversions do designer Graham Smith.


Contudo, é interessante notar que quando a mensagem original da identidade da marca é efetivamente clara e direta, mesmo com a alteração do logo, ela se sobrepõe e é reconhecida. Eis aí um bom exercício para o pessoal de branding!




Nenhum comentário:

Postar um comentário