5 de dez de 2010

Orfi, Eura e um Poema em Quadrinhos


O consagrado escritor e artista plástico italiano Dino Buzzati (1906-1972) reconta de maneira genial o mito grego de Orfeu e Eurídice no formato de HQ no livro "Poema em Quadrinhos" (Cosac Naify, 2010) - um belo presente de Natal ou Amigo Secreto, caso você esteja sem muitas ideiais... 


Criada nos anos 1960, mas com um tom absolutamente vanguardista, a história transfere os personagens originais da Grécia antiga para Milão. Lá, Orfi canta canções melancólicas e é tido com uma celebridade, principalmente pelas mulheres que amam sua música. Uma noite, ao ter um sonho tenebroso, ele olha pela janela e vê sua amada Eura atravessar e vai então em sua busca.


No céu ou no inferno, como queira, Orfi se depara com vários mortos agonizando, até que encontra uma espécie de fantasma chefe, representado por um sobretudo vazio, que faz um tour pelo local explicando cada uma das subdivisões e o que era a eternidade para esses espectros. A grande sacada da história é apresentar essa outra vida como um local de tristeza em que os seres lamentam não existir “a última porta”, ou seja, todo o drama da existência deles está no fato de nunca mais morrerem.

Tendo esse pano de fundo, o chefe dos fantasmas faz um acordo com Orfi: deixar ele procurar sua mulher no outro mundo por 24 horas, desde que ele entretenha os espectros com sua música, uma música para rememorar aquilo que eles não tinham: a morte.



Fica a dica!

Nenhum comentário:

Postar um comentário