4 de nov de 2010

Jornalismo para degustar

Tema de uma matéria do New York Times nesta quinta-feira, pode-se dizer que o LongReads é a redenção do jornalismo à moda antiga. Trata-se, basicamente, de uma plataforma online de textos longos (com, no mínimo, mais de 1.500 palavras) publicados em diversas fontes, de jornais a periódicos científicos, sobre todos os assuntos.


Criado por Mark Armstrong, que também é o diretor de conteúdo do site de finanças pessoais Bundle, a premissa é a de reunir e organizar textos jornalísticos mais elaborados para leitura. Um dos aspectos mais interessantes desse site, que surgiu, diga-se de passagem, como uma hashtag no Twitter (#longreads) no ano passado, é a forma de busca do arquivo: além de assunto, é possível encontrar artigos pelo tempo de leitura! Ele é calculado de acordo com o número de palavras - um leitor médio teria capacidade de ler 250 palavras por minuto. O ideal é salvar os artigos e ler depois longe do computador, usando um Instapaper da vida, por exemplo.

Vale acompanhar o perfil do LongReads no Twitter, que já conta com 9200 seguidores, recheado de dicas de leitura para quem sabe 'degustar' um bom texto.

Nenhum comentário:

Postar um comentário