9 de ago de 2009

Fast Food itinerante. Uma tendência?


Em 1961, o americano George Propstra inaugurou a rede Burguerville, um fast food com uma visão atual e propostas ambiciosas: cardápio com alimentos orgânicos, compra de matéria prima somente de produtores locais e a missão de transformar a empresa na primeira rede de fast food “green” dos Estados Unidos.

Novamente em busca do pioneirismo e da inovação, a mesma Burgerville inaugurou agora um projeto chamado “Burgerville Nomad“, uma espécie de fast food itinerante. São automóveis com os equipamentos necessário para levar todas as refeições fresquinhas da rede Burgeville aos moradores de até 3 grandes cidades norte-americanas.

Automóveis equipados com maquinário necessário para produzir e vender refeições rápidas são super comuns, principalmente no Brasil. O que se difere aqui é ver uma grande cadeia da indústria alimentícia adotando essa estratégia. O primeiro “food truck” da Burgerville custou cerca de USD 100.000,00 para ser construído. Em comparação com o cerca de USD 1 milhão necessário para abrir um restaurante permanente, é uma economia significativa, afirma a empresa.

A cadeia já começou a utilizar o seu perfil @BurgervilleUSA no Twitter para comunicar em que locais os “Burgerville Nomads” estão estacionados.

(via ADivertido)

Nenhum comentário:

Postar um comentário